Manutenção

A grama natural precisa de adubo, fertilização, poda, cobertura e água, muita água.

Dependendo do tipo de grama, pode ser necessário podar 2x por semana. Regar, tem que ser todo dia. Além disso, a grama precisa de descanso para se recuperar.

Se você trabalha com aluguel que quadras, por exemplo, o tempo de descanso para manutenção ou para recuperação da grama significa muito dinheiro perdido. E nem sempre é possível prever quando a grama precisará desta pausa. A ocorrência de uma chuva forte pode impedir o uso do gramado. E cancelar agendamentos pode fazer o seu público migrar para outro clube.

A grama sintética nunca precisa descansar. Já pensou poder usas o campo o dia todo e todo dia? Não precisar de jardineiro, sistema de irrigação, contas de água absurdas…

A manutenção de um campo de grama sintética é tão simples que qualquer um pode fazer. Só tem que repor as borrachas e escovar para que os fios fiquem sempre expostos e os grânulos de borracha fiquem bem espalhados. Fazendo isso a cada 2 meses, seu campo vai ficar novinho por muitos anos.

A grama decorativa sem precisa de borracha. Escove e garanta uma aparência perfeita.

A grama sintética é mais cara?

Será? Calcule quanto se gasta em insumos para manter uma grama natural bonita, salário de jardineiro e o pior: conta de água.

Uma mangueira aberta por 10 minutos gasta cerca de 186 litros de água.

Se um gramado for regado com 6 irrigadores, 30 minutos por dia, em 30 dias seriam gastos mais de 33000 reais de água. 33.000 reais só molhando a grama, fora os outros custos com poda, fertilização e manutenção da pintura das linhas.

A grama sintética das linhas do campo de futebol é uma grama branca. Ela não é pintada de branco. Por isso, não precisa de retoque.